Envios grátis a partir de 50€ *

* consulte as condições de venda.

Os óleos essenciais podem ser aplicados na pele, tendo como finalidade um tratamento terapêutico, como o alívio de dores musculares, dores de cabeça ou cólicas, por exemplo. Pode ser também utilizado numa massagem relaxante, para hidratar a pele ou o cabelo.

Na aplicação tópica, os óleos essenciais são absorvidos pela nossa pele e entra em contato com a corrente sanguínea. Por serem substâncias altamente concentradas, em regra, os óleos essenciais não devem ser aplicados puros diretamente na pele, devendo ser diluídos numa base neutra, que a depender do uso a que se pretende, pode ser um creme, uma manteiga ou um simples óleo vegetal, que é a forma mais comum e mais prática de diluição.

O óleo vegetal a ser utilizado pode ser um óleo de amêndoas doces, jojoba, macadâmia, coco ou outro, desde que seja um óleo vegetal puro, pois não tem sentido diluir um óleo essencial puro e biológico em um óleo vegetal de procedência duvidosa.

Em breve, falarei mais sobre as regras seguras de diluição dos óleos essenciais.

uso_topico_oleos_essenciais.jpg

< VOLTAR PARA O ÍNDICE